terça-feira, 15 de agosto de 2017

PREFEITO MB NA SÉRIE C, COM ZERO PONTO

Você se lembra do livrinho do PROGRAMA do prefeito Marcelo Brandão? São promessas de campanha que eu trago de volta à sua memória. Se ele realizar 10 promessas em quatro anos será um prefeito NOTA 10.

FLUXOGRAMA é um medidor de gestão, que qualquer pessoa poderá dar acompanhamento ao trabalho do gestor com critério e com base em alguma coisa necessária e importante para o município e não pelo desejo ou paixão da pessoa.

Você pode observar que na série A são as festanças aí, sem nenhuma dúvida, o prefeito Marcelo Brandão realizará mais de 120 festas em quatro anos. É a cara da gestão.

Na série B, são as obras que Ipirá necessita, incluindo algumas que passaram a ser prioridades (não eram) por obra e graça do prefeito Marcelo Brandão.

Na série C, são as promessas de campanha, que estão registradas no livrinho da campanha, com o PROGRAMA base do prefeito. Algumas são estapafúrdias, outras hilariantes, até mesmo românticas, mas fazer o que? Tá registrada no livro do gestor. Foram destacadas 19 promessas, se ele realizar 10 ficará com nota DEZ.

Na série D, terão por base a qualidade dos serviços públicos prestados pela Prefeitura Municipal de Ipirá. É isso prefeito, ajoelhou tem que rezar! Verifique as 19 promessas de campanha:

01. Criação do Sopão, em nossa terra. A Secretaria de Desenvolvimento Social vai criar um espaço em região central da cidade e lá instalar o Sopão, com muito asseio, qualidade e sabor.

02. Construiremos um grande açude nas proximidades da sede do município, para criatório de peixes de qualidade.Ficará garantido às pessoas cadastradas o acesso a pesca, diária e regulada, e o sustento da família.

03. Instalar ao longo do governo em todas as localidades do interior um Módulo de Lazer, que serão construídos de uma quadra poliesportiva e um parque de diversões, o que dará opção de entretenimento ao cidadão.

04. Será construído o Parque da Cidade, com pistas de corrida, praça de malhação, quiosques com produtos naturais e saudáveis, área de lazer e parque infantil, para garantir o lazer e malhação com tranqüilidade.

05. Terá destaque o Caminho da Caboronga. Embelezar todo o trajeto até aquela fonte, tornando aprazível o passeio. No percurso será montado um espaço para piquenique, com mesas e bancos sob o verde da mata, e mais um posto mantido pelo poder público com um profissional permanente para prestar primeiros socorros e informações turísticas.

06. O Monte Alto, serão objeto de requalificação com vistas ao lazer e ao turismo, o que vai aumentar as opções no município.

07. Construiremos na Praça Roberto Cintra, a Concha Acústica de Ipirá. O espaço terá capacidade para cerca de mil pessoas e será palco para a música, o teatro, o folclore, enfim, a cultura e a arte.

08. Central de Merendas.

09. O estádio municipal José Luiz dos Santos terá manutenção continua e será iluminado com refletores, cujos postes serão removidos para uma área que não prejudique o jogo e a visão do campo.

10. Criaremos imediatamente uma bem estruturada Feira de Animais em Ipirá.

11. Reformulação do trânsito, com acompanhamento de profissional habilitado.

12. Colocar à disposição da comunidade, já a partir dos primeiros dias do próximo governo, dois ônibus que farão linhas circulares na sede do município, totalmente gratuito.

13. Construiremos ao longo do governo e em áreas estrategicamente planejadas 06 (seis) açudes de grande porte.

14. Estudos para alcançarmos a perenização do Rio do Peixe.

15. É compromisso da nova administração a aquisição de um ônibus para a instalação do Ipirá Bus Couro. Esse veículo, em parceria com uma agência de viagem em Salvador, vai transportar diariamente comerciantes varejistas da área de artefatos de couro, da capital baiana para visitação e compras às fábricas de tais artefatos em Ipirá.

16. Tornaremos viável através de empresas privadas da área de engenharia e pavimentação o Projeto Estradas. Esse projeto visará reconstruir toda malha rodoviária do município.

17. Fazendo o saneamento básico e pavimentação de todas as pequenas ruas, vielas e becos desta cidade, com recursos próprios, dada a urgência do serviço, dentro do projeto Viver Bem.

18. O programa Morar Melhor. O programa prevê a reforma básica dos imóveis residenciais de pessoas carentes, cuidados elementares de higiene com a construção de sanitários. O Morar Melhor vem acompanhado, quando necessário, do projeto “Tá Rebocado”, que vai garantir o reboco das paredes dos imóveis.


19. A nossa administração criará o núcleo de transporte de pacientes, com acompanhamento de auxiliares de enfermagem, para centralizar a saída de veículos.

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

PREFEITO MB, NA SÉRIE A, COM 600 PONTOS

Pense num prefeito bom de festa! Pensou em: Marcelo Brandão. Neste quesito o homem é bom todo, é um Zé Festinha. É prefeito série A e, nunca na história dessa cidade, nenhum prefeito alcançou essa marca de 600 pontos (seis festas) em sete meses.

Quem diz isso não sou eu não, é o FLUXOGRAMA, o medidor de eficiência em gestão pública. O FLUXOGRAMA está querendo furar os olhos do prefeito e colocou mais dez festas para o prefeito realizá-las, caso contrário, terá sua nota subtraída e os olhos furados.

Anote a listagen: 1. Festa da FM, 2 Cavalgada em Nova Brasília, 3 Festa do Couro, 4 Gincana Setembro, 5, Gincana Outubro, 6. Expo Ipirá, 7. Festival da Juventude, 8 Festival de Verão, 9. Revèillon 2017, 10. Festa, 11. Festinha, 12. Festona, 13 Festança.

Nesse assunto, quem se lascou mesmo foi o FLUXOGRAMA, nisso aí o prefeito Marcelo tira de letra; coloque aí trinta festas num ano, numa administração de quatro anos dá um total de cento e vinte festas. Qual foi o prefeito que alcançou essa marca?

O prefeito Marcelo Brandão tem uma preocupação muito grande com o desenvolvimento de Ipirá e ele quer, por que quer, transformar isso aqui num pólo turístico. Estamos no aguardo dos turista de Itapipoca no Ceará e do fã-clube organizado que saiu de Brasília e até agora nada. Se perderam no caminho da roça.

Tem administração que se lambuza até onde pode com festa. Festa deixa muito. Não é o nosso caso, o prefeito só pensa numa Ipirá alegre e com felicidade plena, mesmo com os baixos e vergonhosos índices sociais que atropelam o nosso município.

Mas, o prefeito Marcelo Brandão procura dar uma oportunidade ao trabalho informal de ganhar uma grana do dinheiro que vem de fora, mas a coisa é tão precária, que nada é nada.

Para melhorar a situação o prefeito confirma que dona Maria ganhou R$ 345.000,00 (trezentos e quarenta e cinco mil reais) e seu Luís ganhou R$ 424.000,00 (quatrocentos e vinte e quatro mil reais) nas festas juninas 2017. E tem gente que não quer ver que a coisa está melhorando para o povo de Ipirá.   

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

PREFEITO MB. NA SÉRIE B COM ZERO PONTO

Qual é o jogo preferido do prefeito Marcelo Brandão? O FLUXOGRAMA. Que joguinho é esse parceiro? O FLUXOGRAMA não é jogo, trata-se de um controle da administração em Ipirá. Explicando melhor esse baranguandê.

O  FLUXOGRAMA é está carinha graciosa que está na parte de baixo do retrato acima, trata-se de uma entidade móvel, que se movimenta para os lados, para cima e para baixo e caminha por todo o retrato. Só perderá a acessibilidade quando a obra estiver disponibilizada à população e marcada com um X no retrato, assim sendo o FLUXOGRAMA não poderá ter acesso a essa obra e perderá força.

O prefeito é este rosto emblemático e preocupado em realizar o seu trabalho, que está no centro do retrato e de todas as atenções dos munícipes. Ao seu redor estão dez obras importantes para o município de Ipirá. Toda vez que ele realizar e colocar uma dessas dez obras à disposição da população, esta obra será assinalada com um X e será ponto para o prefeito.

Se em quatro anos, o prefeito não realizar as obras necessárias ao município de Ipirá, o FLUXOGRAMA vai ficar azuretado da vida e vai partir para tapar o rosto do prefeito. Isso acontecendo: bay bay, prefeito! Já foi, viu prefeito!

Se o prefeito realizar uma obra: nota 1. Se o prefeito realizar 10 obras em quatro anos: nota 10. E para não dizerem que são questões dificílimas; vamos colocar mais seis obras, além das dez do retrato: 

I. Praça do Mirante, II. saneamento básico III. faculdade de verdade (pública, gratuita, de qualidade, que não seja curso de extensão,  temporário e intempestivo); IV. estradas vicinais rurais (com a técnica que o locutor Marcelo Brandão apresentava e cobrava); V. pequenas represas (tipo Trapiá) para represar os rios que passam por Ipirá, até perenizá-los; VI. calçamento de 100 ruas (onde houver inauguração de calçamento, verificaremos a metragem).

Até o momento, em sete meses, o prefeito Marcelo Brandão não realizou uma obra, não disse para que veio, mas tem mais de três anos para tirar uma nota 10 ou 16, porque estamos querendo ver o desenvolvimento de Ipirá.


Qualquer cidadão poderá controlar a performance do gestor em quatro anos. Mas vem aí a série A e a série C. Na série B, não é nada confortável a situação do prefeito em Ipirá.